Valentina do MasterChef Júnior fala pela 1ª vez sobre seu assédio aos 11 anos

Valentina conta que na época os pais a blindaram de tudo o que estava acontecendo.

0
13
Foto: Reprodução/Band

Vocês lembram quando em 2015 a Band exibiu a 1ª Edição do MasterChef Júnior? Além de apresentar para inúmeros “chefs de cozinha” mirins, infelizmente o programa ficou conhecido pelo assédio que a ganhadora, Valentina Schulz, que tinha apenas 11 anos de idade, sofreu por internautas.

Valentina conta que na época os pais a blindaram de tudo o que estava acontecendo. Ela teria ficado sabendo do caso quando foi para a escola no dia seguinte e todos a perguntaram se estava bem. “Foi bem estranho, porque eu estava realizando um sonho, participando de um programa na TV aberta para todo mundo me conhecer e, ao mesmo tempo, estava rolando um crime nas redes sociais”, disse.

#PrimeiroAssédio

O caso gerou repercussão nacional e a internet se revoltou contra estes homens. O assunto tomou conta das redes sociais e, através da ONG ThinkOlga, lançou a hashtag #primeiroassedio, que conseguiu mais de 80 mil tags em apenas um dia.  As histórias contadas por garotas e mulheres de todo o país, chocam e nos fazem pensar ainda mais sobre a falta de respeito.

Um dos relatos foi de Nathália: “Eu tinha 7 anos, um cara no bairro se masturbou atrás de um poste vendo eu e minhas vizinhas brincando, nós corremos. #primeiroassedio”. Outra internauta conta uma história ainda mais horrenda: “13 anos. Apê na praia com avós. Sou acordada no meio da noite por amigo da família. Ele estava bêbado e pelado. #primeiroassedio”.  Já, clara, contou que seu primeiro assédio foi quando ela tinha 10 anos, quando um idoso chegou perto dela e perguntou se ela já tinha pelinhos “la”.

Confira o vídeo de Valentina aqui:

Deixe aqui sua opinião sobre essa reportagem :

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui